O Som de Beirute

Como boa parte das cidades pobres (São Paulo inclusive), Beirute privilegia carros. Não há metrô, há poucos ônibus e não se anda muito a pé por aqui. Carro, van, moto e táxi (que pode ser compartilhado) são os principais meios de transporte de uns 2 milhões de pessoas, mais ou menos a metade da população do Líbano.

E, como em todas as cidades pobres com muita gente, o trânsito é pesado. E em Beirute ele também é peculiar. Apesar de muito intenso durante todo o dia, o trânsito não é agressivo como, por exemplo, em São Paulo; diferentemente do brasileiro, o motorista libanês não tem a intenção de assassinar o pedestre (aqui se mata por motivos muito mais interessantes) nem quer “ensiná-lo” a andar na rua. Tampouco o libanês está com pressa, pelo menos não a urgência que o paulistano tem para chegar a qualquer lugar antes do cara que está ao lado dele, numa competição imaginária demente.

Mas, puta que o pariu, como os libaneses buzinam! Desde os anos 50, a mãozinha libanesa está colada na buzina da moto e do carro –provavelmente um Mercedes, ou Marcedes, como se diz. E eles buzinam por tudo e para todos, ainda que quase nunca a buzina seja acompanhada de um grito ou de um xingamento –e há motivos de sobra para isso. Ninguém aqui dirige muito bem ou com cautela: não se respeitam os sinais, as placas, direção das ruas, nada, é uma zorra (como atravessar a rua merece um post à parte). Mas curiosamente as coisas se ajeitam. E a buzina é a liga disso tudo, é o sinal sonoro que evita o caos total –e pode levar um forasteiro à beira da loucura.

Então, baseado na minha observação e na experiência como passageiro durante poucos dias, eu listei alguns motivos pelos quais os libaneses buzinam em Beirute:

1. Porque o sinal abriu
2. Porque o sinal abriu e o carro da frente não andou
3. Porque o sinal abriu e o carro da frente não andou porque o dono decidiu que ali era uma vaga e saiu do carro
4. Porque o carro da frente ocupa duas faixas e impede a sua passagem
5. Porque o carro do lado quer ocupar a sua faixa também
6. Porque um carro o fechou (nunca bruscamente)
7. Porque o carro da frente está mais lento do que você gostaria
8. Porque o carro da frente parou. Simplesmente parou, do nada.
9. Porque um carro quer entrar na sua frente (e geralmente consegue porque se dá passagem)
10. Porque o carro que quer entrar pede passagem
11. Porque alguém está andando na calçada (os táxis usam esse expediente para chamar passageiros, um inferno, como se o pedestre pudesse pensar: “Nossa, é mesmo! Acho que eu preciso de um táxi! Obrigado por me lembrar”)
12. Porque está tudo parado, e é legal se ocupar de alguma maneira
13. Porque o carro está andando e o motorista quer marcar presença na rua
14. Porque um pedestre está atravessando a rua (mais para dizer “eu estou vendo você” do que “sai da frente, filhodaputa”)
15. Para chamar um conhecido na calçada (daí para para conversar –e tome buzina atrás)
16. Porque a Vespa está na contramão, e talvez seja o caso de ela lembrar os demais motoristas e principalmente os pedestres disso
16. Porque um ou mais carros passaram pelo sinal vermelho e quase bateram em você
17. PORQUE SIM, porque sem buzina o libanês não conseguiria tirar o carro do lugar

Na grande maioria das vezes, a buzina é acionada uma ou duas vezes rapidamente. Acioná-la três vezes acontece, mas é menos frequente. Raramente alguém mete a mão na buzina por mais de três segundos. E, quando está tudo parado (quase sempre) e ninguém está buzinando (o que deve ser um intervalo de pouquíssimos segundos), um carro buzina, então outro responde e mais dois ou três buzinam ao mesmo tempo, e por aí vai.

Então eu percebi que a buzina é uma forma de se comunicar em Beirute. E, de certa forma, é uma maneira eloquente, ainda que histérica, de dizer: está tudo bem, as coisas estão funcionando.

20120612-005638.jpg

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: